(34) 3338-5456     contato@endoscopiammarcal.com.br         
 
Dicas

Constipação intestinal

A constipação intestinal, também conhecida como prisão de ventre, é caracterizada por uma diminuição da frequência das evacuações, associada à dificuldade ao evacuar, pois as fezes ficam ressecadas e endurecidas, difíceis de serem eliminadas. O mais importante a ser observado é o aspecto endurecido das fezes e não apenas a frequência das evacuações. por exemplo, é melhor que a pessoa evacue em dias alternados, fezes macias (de consistência normal), a evacuar diariamente fezes ressecadas (em cibalos).

Quais os principais sintomas da constipação?

O sintoma mais frequente é a dor provocada pelo esforço excessivo, às vezes acompanhado de sangramento e sensação de evacuação "insatisfatória ou incompleta".

Eventualmente pode ocorrer formação de fecaloma (massa de fezes grande, dura, imóvel, que o paciente não consegue eliminar apenas com o esforço da evacuação).

Quais as consequências da contipação intestinal?

Se a constipação intestinal não for tratada adequadamente, a longo prazo, poderá evoluir e gerar novas e graves complicações para o organismo, como as descritas a seguir.

 Diverticulose: saculações do revestimento interno do intestino para fora de suas paredes.

Hemorróidas: dilatações tortuosas dos vasos sanguíneos da região anal que podem sangrar, além de causar incômodo e prurido (coceira).

Fissuras anais: pequenos “cortes” na região anal que levam a dor intensa, sangramento e ardência ao evacuar.

Câncer no intestino: a constipação intestinal também se relaciona com o aumento da possibilidade de desenvolver câncer no intestino.




Fale Conosco
 Laudos on-line